Novidade
Mercado Livre anuncia serviço de compra e venda de criptomoedas no Brasil; Saiba mais sobre a novidade

Publicado em 24/11/2021 11:31 - Atualizado em 24/11/2021 11:31

Foto/Reprodução


Mercado Livre deu seu primeiro grande passo na integração de criptomoedas em sua plataforma, começando a ofertar a compra, venda e custódia de bitcoin (BTC) e outros ativos para clientes no Brasil nesta última segunda-feira (22). O novo serviço está sendo liberado gradualmente aos usuários e deve chegar a todos nas "próximas semanas".

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

300 x 300

Na prática, usuários passam a poder negociar não apenas bitcoin, mas também outras criptomoedas através das plataformas da empresa, tanto pelo marketplace Mercado Livre quanto pela carteira digital do Mercado Pago.

"A partir desta semana no Brasil, os usuários do Mercado Livre e Mercado Pago poderão comprar, guardar e vender criptomoedas", disse Marcos Galperin, fundador e CEO da empresa, no Twitter.

O presidente do Mercado Pago, Osvaldo Gimenez, também falou da novidade em suas redes, compartilhando um print da funcionalidade na plataforma que mostra um novo botão "Cripto". Segundo o executivo, os usuários brasileiros já começam a poder negociar criptomoedas no app. "Acesso fácil às criptos para milhões de usuários com um clique e a segurança do Mercado Pago".

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Conheça 5 aplicações indicadas para investidores iniciantes

Em entrevista à Bloomberg, Túlio Oliveira, vice-presidente do MercadoPago, o braço de pagamentos da empresa, disse que a novidade já havia sido disponibilizada para alguns clientes no início desse mês em fase de testes, mas foi lançada oficialmente ontem. "Dedicamos um tempo para estudar e aprender antes de decidir entrar nas criptomoedas", contou o executivo.

Para Oliveira, o bitcoin e as criptomoedas "têm um potencial de transformação" muito grande em um futuro próximo e "abre um novo caminho" para a empresa. Até o momento, o Mercado Livre lançou a nova função somente no Brasil, mas a companhia já revelou que pretende expandir a oferta para outros países da América Latina (que não foram especificados).

Mercado Livre não descarta pagamentos com bitcoin

Além disso, os planos da empresa para as criptomoedas podem ser mais amplos. Permitindo agora a compra, venda e custódia de bitcoin, o Mercado Livre não descarta a possibilidade de implementar pagamentos com moedas digitais em seu marketplace. Inclusive, seria uma jogada inteligente para o Mercado Pago, tendo em vista que outras plataformas, como o PayPal, já entraram de cabeça nas transações com criptomoedas.

Estamos falando do mais importante passo do Mercado Livre para dentro do universo cripto, mas a empresa já vinha flertando com esse setor há algum tempo.

Faça seu dinheiro render: Veja 4 investimentos em renda fixa a partir de R$ 100

Seis meses atrás, a companhia anunciou a compra de US$ 7,8 milhões em bitcoin como uma estratégia de investimento e reserva de valor. Esse foi o primeiro seu primeiro contato direto com moedas digitais.

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Além disso, o Mercado Livre recebeu agora em novembro um aval do Banco Central (BC) para finalmente operar como uma instituição financeira. Dito isso, a companhia tem mais liberdade do que nunca para trazer mais recursos e serviços com moedas digitais.

Com informações: Bloomberg


COMPARTILHAR NO WHATSAPP